Connect with us

Esporte Eletrônico

Worlds 2020: Suning e G2 se classificam pelo Grupo A

Publicado

on

Com a Fase de Grupos do Worlds 2020 chegando ao fim, tivemos hoje a definição do Grupo A, com Suning e G2 Esports avançando para as quartas de final, em desempate disputado até o último segundo no Rift. Team Liquid, que teve desempenho mediano, ficou de fora da disputa por apenas uma vitória, enquanto a Machi Esports, com apenas uma vitória, não teve chances de se classificar.

Team Liquid 0 x 1 G2 Esports

Foto: Reprodução/Riot Games

Nos jogos da fase regular, começamos a manhã com a Team Liquid sendo amassada pela G2. Apesar dos primeiros minutos de jogo demonstrarem um pouco de garra dos representantes americanos, a G2 ligou os motores e não vimos mais a Liquid no jogo. O toplaner dos europeus, Wunder, mostrou grande conhecimento do potencial de seu Sylas, guiando seus companheiros pelo mapa na companhia de Jankos e seu Volibear, que foi merecidamente escolhido como destaque do show.

Machi Esports 0 x 1 Suning

A Machi, mais uma vez, começou entregando vantagem nas mãos de quem não deveria quando o jogo mal tinha começado. Bin, que trouxe uma Irelia absurda ao Rift, foi o grande responsável desde o level 1 pelo sucesso dos chineses, impondo ritmo e dominando os taiwaneses, que apesar das tentativas não conseguiram responder e ainda tomaram decisões muito pouco inteligentes em lutas, tentando vencer combates dentro da selva de forma desnecessária e entregando à Suning a vitória de bandeja.

G2 Esports 1 x 0 Machi Esports

Abalados pelo desempenho fraco contra a Suning, a Machi enfrentou em seguida a G2, que vinha animada da primeira vitória do dia. Caps, que no primeiro jogo não apareceu muito com seu Ekko, desta vez trouxe seu Lucian, que saiu com 9 abates e apenas 1 morte, e mostrou a seu time que valeu a pena acumular recursos em suas mãos.

Caps da G2 Esports no Worlds 2020
Foto: Reprodução/Riot Games

Suning 0 x 1 Team Liquid

Apostar em League of Legends é para os corajosos. Contrariando todas as expectativas, principalmente pelo desempenho de ambas equipes nas outras partidas, a Team Liquid conseguiu sua segunda vitória na etapa de grupos, com Tactical (Jhin) e CoreJJ (Bardo) dando aula de desempenho da botlane. A Suning, que não parecia se comunicar bem, lutou de forma desorganizada e entregando vantagem demais para a Liquid, que recebeu de braços abertos e soube aproveitar.

Team Liquid 1 x 0 Machi Esports

A Team Liquid definitivamente acordou pronta para mostrar ao mundo que não viajou para a China à toa, dominando mais um time asiático, chegando a mais de 10 mil de ouro de vantagem antes mesmo do nascimento do primeiro Barão Nashor. Jensen, que anteriormente já tinha se destacado com sua Syndra, foi o escolhido pelos analistas como destaque da partida, ao conquistar 7 abates e impactar globalmente o jogo da Machi.

Suning 1 x 0 G2 Esports

A Team Liquid, que mostrou boa recuperação no último dia de Grupo A, precisava da vitória da G2 sobre a Suning para estar apta a jogar o desempate contra os chineses. A G2 não teve bom desempenho no jogo desde os picks e bans, escolhendo a estranha dupla de Kalista e Senna e não conseguindo reagir a toda pressão exercida por Ezreal (Huanfeng) e Bardo (SwordArt) dos adversários. SwordArt, inclusive, foi impecável com seu caçador de sinos, garantindo as lutas para os chineses e protagonizando a partida mais rápida do Worlds 2020 até agora, que durou pouco mais de 23 minutos.

Foto: Reprodução/Riot Games

Desempate: Suning 1 x 0 G2 Esports

Como não poderia deixar de ser, os dois classificados para a Fase Eliminatória protagonizaram uma das partidas mais incríveis até agora no Worlds 2020. A G2 garantiu o First Blood, mas não foi o suficiente para abalar o emocional da Suning, que respondeu bem, principalmente nas decisões de várias lutas durante o jogo. Angel, de Akali, perturbou a vida de Caps (Syndra), chegando até mesmo a roubar um Arauto em uma luta onde a única baixa dos chineses foi a Leona de SwordArt.

Em nenhum momento o jogo teve grande vantagem para um dos lados, apesar da Suning na frente, e era impossível garantir o resultado já que os europeus conseguiram responder várias lutas muito bem. A Suning conquistou um Barão Nashor enquanto a G2 garantiu a Alma do Dragão Infernal, dando esperanças a seus fãs de que teriam chances de finalizar a partida – que infelizmente não contavam com Bin, que teve grande desempenho em várias das partidas do Grupo A, e garantiu a vitória dos chineses ao abater Caps e Perkz em um flanco incrível logo após o abate do sétimo dragão do jogo e o primeiro lugar no seed.

Próximos confrontos do Worlds 2020

Amanhã, dia 9 de outubro, a partir das 5h da manhã (Horário de Brasília), teremos a definição do Grupo B. A DAMWON Gaming vem invicta com 3 vitórias, enquanto a PSG Talon ainda não venceu nenhuma partida.

5h – PSG Talon (PCS) x (LCK) DAMWON Gaming
6h – Rogue (LEC) x (LPL) JD Gaming
7h – DAMWON Gaming (LCK) x (LEC) Rogue
8h – JD Gaming (LPL) x (PCS) PSG Talon
9h – PSG Talon (PCS) x (LEC) Rogue
10h – JD Gaming (LPL) x (LCK) DAMWON Gaming

Clique para comentar